O Palmeiras não deixou a gente jogar”, diz Luxemburgo ;

ADAURY VELOSO ;

Na opinião do treinador rubro-negro, faltou a individualidade para escapar do ferrolho palmeirense ;

Conformado. Foi a impressão que passou o técnico Vanderlei Luxemburgo na entrevista após a derrota do Sport diante do Palmeiras na Arena de Pernambuco. Para ele, o time paulista jogou bem e mereceu sair vitorioso. O treinador do Leão avisou: “Se nós não crescermos mais um pouquinho, vai ficar por aqui mesmo”.

Mesmo recheado de reservas, o Palmeiras de Cuca anulou as jogadas do Sport, que pouco ameaçou a meta de Jailson. “O Palmeiras não deixou a gente jogar. Hoje não era pra ser nós. Começamos a querer fugir da marcação de qualquer maneira. Ela (marcação) desequilibrou nossa equipe”, analisou Luxa.

Na opinião do treinador rubro-negro, faltou a individualidade para escapar do ferrolho palmeirense. “Na marcação muito bem feita, tem que ter a jogada individual. Tem que ter um drible, uma jogada diferente e o nosso time não fez isso. Aceitamos a marcação”, disse.

Ainda segundo Luxemburgo, o time do Sport está mais visado na competição. “Ninguém acreditava que o Sport fosse chegar onde chegou. As outras equipes estão mais preocupadas com o Sport. Mas se nós não crescermos mais um pouquinho vamos ficar por aqui”, sentenciou o treinador.

Sulamericana e reforços – No meio de semana, o Sport volta a jogar pela Sulamericana contra o Arsenal de Sarandí, da Argentina. Segundo Luxa, a derrota diante do Palmeiras não pode abalar a equipe. “Já falei no vestiário. O que aconteceu hoje fica aqui”, afirmou, antes de fazer um comentário sobre uma pergunta referente à reforços. “Seria cruel da minha parte falar de reforços depois de uma derrota. Porque pode parecer que derrepente tudo que tava bom, passa a ficar ruim. Porque perdeu ninguém presta. Tem algumas situações, mas que estamos tratando internamente”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *