Roberto Fernandes lamenta derrota ;

ADAURY VELOSO ;

Para treinador, apesar do revés por 2 a 0 para o Goiás, no Serra Dourada, alvirrubros tiveram atuação equilibrada e fizeram uma boa partida ;

Apesar de acumular a sua quinta derrota fora de casa sob o comando do Náutico nesta Série B, e ver assim as chances de ainda escapar do rebaixamento ficarem ainda mais diminutas, o técnico Roberto Fernandes fez questão de elogiar a atuação do seu time no revés por 2 a 0 diante do Goiás, no Serra Dourada. Para o treinador, a equipe fez uma boa apresentação e se mostrou equilibrada em campo. Porém, pecou em detalhes. E lembrou do primeiro gol sofrido para exemplificar isso.

“Essa derrota foi um pouco diferente da nossa última fora de casa (3 a 0 para o Paraná, em Curitiba). O Náutico fez um bom jogo e uma partida equilibrada. Mas o clube vive uma situação em que cada jogo é uma decisão. E decisão é detalhe. O primeiro gol que sofremos era um contra-ataque a nosso favor, que não tivemos a eficácia de fazer uma boa jogada e no mesmo lance, o Goiás teve um outro contra-ataque e mostrou como se faz”, destacou o treinador.
Roberto Fernandes ainda apontou a derrota para o Goiás como um resultado normal. Apesar do confronto direto contra a queda. Segundo o treinador, é justamente a situação do Náutico na classificação que dá um peso maior a mais esse revés.
“A partida se torna fora da conta pela situação desesperadora do Náutico no campeonato. Mas foi um resultado absolutamente normal entre duas equipes de tradição, mas que vivem situação diferentes. Se o mando de campo fosse nosso, como o time se comportando como vem mostrando, talvez a vitória seria nossa. Mas nessa situação que estamos, para ganhar um jogo fora de casa é preciso ser quase perfeito. E para quem tem os números que nós temos isso é muito difícil”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *